Ah,  se minha mente gritasse tudo que ela imagina. Sei não...  Vontade de um certo delírio, de rosas na cama, chocolate e álcool. Saudade dos morangos. Do corpo, da alma grudada. Do cheiro de sexo, misturado com um amor tão terno. Saudade da conquista diária.  Do emaranhado de sensações e sentidos... Saudade da urgência de ter em mim, o melhor de ti. E saber, que você é meu e eu seria sua por toda a minha vida. Dizem por ai que alguns sonhos viram verdade quando sonhado com força. Fechei os olhos  e apertei os dedos. Quem sabe um dia esse sonho vira realidade. Quem sabe... 

Saudade dos meus devaneios mais safados. Das minhas confissões mais apaixonadas e do seu beijo mais saboroso. 

1 permitiram-se:

Anônimo disse...

Quem sabe.
Espero q este dia chegue logo.
Amo amor você!
Beijinhos minha eterna borboleta.

Postar um comentário

Entrem e fiquem avontade!
Coloquem aqui os seus devaneios e confissões...
BeijinhO,
Tami

 
©Suzanne Woolcott sw3740 Tema diseñado por: compartidisimo