"[...]pouco a pouco as dores viram água, viram memória.
As memórias vão com o tempo, se desfazem, mas algumas não encontram consolo, só algum alivio nas pequenas brechas da poesia. Você... é a minha memória inconsolável, feita de pedra e de sombra. E é dela que tudo nasce e dança"

Filme: Elena

2 permitiram-se:

Anônimo disse...

"Eu ti amo minha pequena princesa."

Tami disse...

Eu também te amo, pequenino meu. Apesar das turbulências, das crises e infantilidades. Ainda seremos um. Sem mais, sem brigas, sem historias mal contadas, sem facebook... Sem todas as coisas ruins. Só eu, você e nossa pequena.

Postar um comentário

Entrem e fiquem avontade!
Coloquem aqui os seus devaneios e confissões...
BeijinhO,
Tami

 
©Suzanne Woolcott sw3740 Tema diseñado por: compartidisimo