Não distribuo sorrisos por gentileza. Não abraço por educação nem por formalidade, só por vontade, por desejo. Amo mesmo, brigo, machuco, enlouqueço.E não vou mudar.  Minhas histórias eu mesma invento, em pensamentos tortos...Eu giro, eu danço, eu grito, eu gozo, eu sofro, eu canto, eu amo, eu vivo.
Recuso hipocrisias. Detesto migalhas. Tenho um desejo absurdo por inteiros. 


0 permitiram-se:

Postar um comentário

Entrem e fiquem avontade!
Coloquem aqui os seus devaneios e confissões...
BeijinhO,
Tami

 
©Suzanne Woolcott sw3740 Tema diseñado por: compartidisimo