Vem, menino, e adorna os sentidos que pulsam.
Percorre a emoção desse agora e aflora.
Vem, vem fazer sopro que arrepia, vem olhar querendo.
Faz carinho bom que abraça, faz o toque que convida.
Brinca com essa língua que fala e exala seu cheiro pra mim.
Faz travessura de pernas e rola pra lá e pra cá.
Então goze alegrias, nomeie o prazer e faz bis.

Dan Cezar

0 permitiram-se:

Postar um comentário

Entrem e fiquem avontade!
Coloquem aqui os seus devaneios e confissões...
BeijinhO,
Tami

 
©Suzanne Woolcott sw3740 Tema diseñado por: compartidisimo