"(…) ao longo da vida deparamos com muitas promessas de amor. Fechamos os olhos, abrimos, vezenquando até sentimos. Por um tempo curto. Com o passar dos dias descobrimos que o amor de verdade é raro. Muita gente nasce, cresce, se reproduz e morre sem ter encontrado o amor verdadeiro. Você pode ter alguns amores, amorzinhos, amorzões, mas o amor mesmo, aquele puro-puríssimo-purão, aquele lá é difícil. Sabe aquele papo de alma gêmea? Quem encontra a sua, encontra o mundo."
  Clarissa Corrêa

0 permitiram-se:

Postar um comentário

Entrem e fiquem avontade!
Coloquem aqui os seus devaneios e confissões...
BeijinhO,
Tami

 
©Suzanne Woolcott sw3740 Tema diseñado por: compartidisimo