Não, ela não era tola. 
Mas como quem não desiste de anjos, fadas, 
cegonhas com bebês, ilhas gregas e happy ends cinderelescos,
ela queria acreditar.

[Caio F, "Ao simulacro da imagerie", Estranhos estrangeiros]

0 permitiram-se:

Postar um comentário

Entrem e fiquem avontade!
Coloquem aqui os seus devaneios e confissões...
BeijinhO,
Tami

 
©Suzanne Woolcott sw3740 Tema diseñado por: compartidisimo