Eu quero um colo, um berço,
um braço quente em torno ao meu pescoço,
uma voz que cante baixo
e pareça querer me fazer chorar.
eu quero um calor no inverno,
um extravio morno de minha consciência
e depois sem som,
um sonho calmo,
um espaço enorme,
como a lua rodando entre as estrelas…
Caio F. Abreu

0 permitiram-se:

Postar um comentário

Entrem e fiquem avontade!
Coloquem aqui os seus devaneios e confissões...
BeijinhO,
Tami

 
©Suzanne Woolcott sw3740 Tema diseñado por: compartidisimo