Ter um amor nos enche, preenche, invade. Toma conta. E vou transbordando teu nome, teu cheiro, teu tudo, em mim. Penso em você, desejo você, sonho você. É que eu sou uma porção de marcas e detalhes teus. Vezenquando eu fico meio boba. Deve ser o amor, vai tentar entender. E fico te observando fazer coisas simples, como ajeitar o cabelo, trocar um cd, amarrar o tênis... Fico te olhando e sinto que o meu coração sorrir, admirado. De feliz.
E acredito que o amor é pra ser assim, de verdade. Porque o tempo passa e a cada dia tudo aumenta. Todo carinho, toda admiração, todo querer. E quanto mais eu te olho, mas eu tenho a certeza de estar olhando para uma das coisas mais importantes da minha vida.
E é naquele abraço, forte, inesperado, silencioso e completo, que eu sinto que ganhei o mundo, apenas por saber que nele, eu não estou sozinha. Tenho os teus braços, tenho você. Para mim. E a gente fica assim, colado, inteiro, um todo. Com a sensação de sermos par, de sermos um. Indescritível. O que há entre nós tem gosto doce, tem sabor de querer. Querer sempre. Sempre e cada vez mais. Intensamente.
Karine Melo.

0 permitiram-se:

Postar um comentário

Entrem e fiquem avontade!
Coloquem aqui os seus devaneios e confissões...
BeijinhO,
Tami

 
©Suzanne Woolcott sw3740 Tema diseñado por: compartidisimo